Minha Compra (0)
Escolha seu tratamento.
Ajustar Direção como Decrescente

Itens 1 a 10 de um total de 44

Página:
  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. 4
  5. 5

Como Suplementar Colágeno

terça-feira, 29 de agosto de 2017 18h33min49s America/Sao_Paulo

Como Suplementar Colágeno 
(Terça-feira, 29 de agosto de 2017) 
 
 
 
 
 Como saber se seu corpo está perdendo colágeno e você precisa suplementar?
 
O tempo vai passando, a correria não permite que você mantenha uma rotina alimentar saudável e você não escolhe corretamente seus alimentos. Quando se dá conta, começa a perceber mudanças visíveis na sua pele, cabelos e unhas.
 
Os contornos do seu rosto e pescoço mostram-se menos definidos com o aumento da flacidez tissular. Você percebe sua #pele mais fina e desidratada, visualiza linhas no entorno dos olhos e da boca. Também na pele do corpo, você nota o aparecimento de #estrias, aumento da #celulite e menor elasticidade da epiderme logo abaixo do umbigo, no antebraço, no interno de coxa e em outras regiões.
Não bastasse, percebe suas articulações, juntas e ligamentos menos flexíveis e músculos mais frouxos. Você fica pensando se os sintomas de #envelhecimento podem ser atenuados ou revertidos. Será?
 
Rita Caride da La Forme Center, é especialista no assunto. Domina o tema há mais de 28 anos como #cosmetóloga e #nutricionista à frente da La Forme Center Campinas. Lida diariamente com os sintomas da carência de #colágeno do ponto de vista interno e externo, combinando ambas expertises nos acompanhamentos estéticos-nutricionais que faz, com foco na saúde e embelezamento da pele a partir também da nutrição das #células.
 
Preocupada com a vida saudável, Rita aposta numa #dieta que priorize suas fontes naturais, lançando mão da suplementação quando julga necessário e responde abaixo às dúvidas comuns entre as pacientes, sobre a necessidade e fontes de suplementação.
 
Quais as fontes naturais dessa proteína?
 
Alimentos ricos em colágeno são aqueles de origem animal, explica a especialista. Assim, sua dieta precisa contemplar um ou mais destas fontes:
  • Carnes vermelhas;
  • Carnes brancas;
  • #Gelatina;
  • Geleia de mocotó.
Quais os benefícios da sua reposição?

Em caso de suplementação, a absorção do colágeno é muito difícil pelo trato gastrointestinal, alerta a profissional, adepta prioritariamente de uma dieta equilibrada.
 
Para facilitar a absorção, ele de ser "hidrolisado", quebrado em aminoácidos, isso quer dizer, transformado em moléculas menores, continua ela.
 
Ela observa que, ao serem supridas as quantidades de #aminoácidos necessárias, obtém-se vários benefícios animadores, entre eles:
  • Redução do peso corporal por estimular o mecanismo da saciedade, o que leva a comer menos;
  • Melhora da celulite, já que a recuperação de proteínas do tecido conjuntivo (colágeno e elastina) ajuda a diminuir a camada adiposa existente;
  • Prevenção de estrias, uma vez que estas resultam da ausência ou deficiência de fibras elásticas na pele;
  • Efeitos coadjuvantes no fortalecimento dos vasos sanguíneos, evitando formação de varizes;
  • Rejuvenescimento da pele devido à reestruturação dos tecidos flácidos promovendo a diminuição da flacidez, o aumento do tônus e elasticidade da pele;
  • Sensível recomposição da cartilagem das articulações e redução da artrose, quando é feita a suplementação do Colágeno tipo II.
Como é feita a suplementação de colágeno?
 
Os produtos industrializados devem ser usados com acompanhamento do seu #médico ou nutricionista, pois muitos suplementos de colágeno hidrolisado e apresentam diferentes combinações de aminoácidos, vitaminas e minerais. Esses profissionais saberão quais são mais recomendados para você.
 
Dica importante:
 
Sua absorção melhora quando associamos com a vitamina C, encontrado em vegetais e frutas.
 
Ela explica que o colágeno hidrolisado pode ser encontrado na forma líquida, em cápsula ou pó. Em pó, forma mais difundida apresenta baixa atividade água (umidade normalmente próximo de 8%), o que garante uma estabilidade muito grande da proteína (chegando a 5 anos na embalagem original de fabricação). Esta apresentação normalmente apresenta um preço mais baixo que as outras e melhor qualidade sensorial na forma pura (sem aditivos nem sabor).
 
As cápsulas de colágeno são o produto em pó, inserido na cápsula garantindo doses, normalmente miligramas do produto.
 
É bastante útil para quem tem facilidades em ingerir cápsulas e evita a necessidade de diluição. Esta apresentação permite utilizar um produto de baixa qualidade sensorial (sabor característico mais evidente).
 
É necessário avaliar a dose/cápsula para analisar a relação custo/benefício, alerta ela.
 
O colágeno líquido pode ser obtido através da exclusão da etapa de secagem do colágeno hidrolisado ou da diluição do colágeno em pó. Normalmente essa apresentação requer a necessidade de conservantes e agentes de sabor e é necessário conferir a concentração do produto para analisar a relação custo/benefício. A dose diária recomendada é em torno de 10g/dia, conforme orientação nutricional ou médica.
 
Acompanhe mais dicas dessa profissional; a cada semana sobre um novo tema relacionado à estética e à nutrição.
 
Agende uma avaliação gratuita com ela pelo WhatsApp 19 99293 2152.
 
A La Forme Center Campinas, está à Rua Barreto Leme 2559, no bairro Cambuí da cidade, e atende unissex, de segunda à sábado. Fone 19 3251 1100.
 
Curta nossa página aqui no #Facebook, #Instagram, G+ e Youtube. Visite nosso site e cadastre-se para receber #bônus especial. Suas dúvidas, críticas e comentários serão bem-vindos.
 
 
New layer...
Escrito em DICAS LA FORME por Rita Caride

Preenchimentos, efeito rejuvenescedor instantâneo

segunda-feira, 7 de agosto de 2017 21h05min24s America/Sao_Paulo

Com efeito volumizador e rejuvenescedor instantâneos em muitos casos, os Preenchimentos são procedimentos minimamente invasivos, capazes de corrigir depressões e aumentar regiões da rosto, atenuar rugas e sinais no entorno da boca e dos olhos, projetar as maçãs do rosto, apagar o bigode chinês e ainda desfazer os buraquinhos de #celulite que persistem após tratamento.
Biocompatíveis com substâncias do nosso próprio organismo, ainda ativam o #colágeno ou, no caso dos sintéticos, duram a vida toda ou por muitos anos. Confira tudo o que eles podem fazer por sua beleza neste novo post de #RitaCaride, cosmetóloga especializada da La Forme Center.
Read More
Escrito em DICAS LA FORME por Rita Caride

Obesidade, a epidemia do Século XXI

segunda-feira, 17 de julho de 2017 23h37min50s America/Sao_Paulo

 OBESIDADE, A EPIDEMIA DO SÉCULO XXI

 

Estudiosos e pesquisadores da área da Saúde que atuam em conjunto com a Organização Mundial da Saúde, consideram a OBESIDADE como a epidemia do Século devido aos malefícios que provoca na humanidade independentemente de raça, idade, e condição social. O apelo ao consumo de alimentos industrializados e processados, ricos em GORDURA, AÇÚCAR E SAL, fazem com que as pessoas tenham uma alimentação antagônica ao ato humano da Nutrição Saudável.

 Tais “facilitadores” modernos, associados ao sedentarismo em muitas pessoas, podem contribuir para o excesso de peso e fatalmente para a OBESIDADE como conseqüência final. Considerando que o excesso de peso contribui para a diminuição do rendimento e a baixa auto-estima das pessoas, assim como predispõe ao aparecimento de doenças crônicas, elimine ou diminua drasticamente da sua dieta:

Açúcar refinado: Refrigerantes, suco de frutas, sorvete, doces e bolos e tudo o que leva açúcar refinado ou glucose de milho.

Grãos com glúten: Trigo, centeio e cevada. Isso inclui pães, massas e cerveja.

Gordura trans: Corte todo tipo de gordura hidrogenada ou parcialmente hidrogenada, como margarinas.

 Produtos “light” e artificialmente low-fat: A maioria dos produtos “light”, especialmente laticínios, costuma ser rica em carboidratos e cheios de outras substâncias prejudiciais a saúde.

 Alimentos industrializados e processados.

 Leia os rótulos. O uso abusivo de sódio, é muito comum e costuma estar acima de 200 mg por porção. O corpo digere os carboidratos transformando-os em açúcar simples (principalmente glicose). Esse açúcar cai na corrente sanguínea e eleva os níveis de glicose. Como níveis elevados de açúcar no sangue são tóxicos, o corpo reage com o hormônio insulina, que sinaliza para as células absorverem e armazenarem a glicose. Como conseqüência, adquire-se mais gordura, principalmente na região do abdome, estômago e flancos.

Se você não precisa perder tanto peso, pode incluir nas suas refeições mais carboidratos. Nesse caso, pode consumir os da lista abaixo, mas sempre com moderação:

Tubérculos: Batata, batata-doce, beterraba, cará, cenoura entre outros.

Grãos sem glúten: Arroz, aveia, farinha de milho, quinoa, chia e outros. Leguminosas: Lentilhas e feijões.

Frutas: Atenção para a quantidade de açúcares, dê preferência às frutas com cascas e evite sucos. Eles detém maior concentração de frutose, açúcar das frutas.

Chocolate: Prefira os amargos, acima de 70% cacau. Vinho: Consuma moderadamente e evite o vinho do Porto, que tem grande quantidade de açúcar. Faça um registro diário do que você come – desde o café da manhã até a ultima refeição do dia. Assim, você terá um maior controle sobre tudo que ingere.

Emagrecimento de verdade é aquele que leva você ao seu peso ideal e a mantê-lo sempre, fazendo você se sentir uma nova pessoa, com mais energia e disposição.

O ideal é procurar um nutricionista para definir com precisão a quantidade de carboidratos que você precisa no dia a dia. Se você tem algum problema de saúde, é importante conversar com seu médico antes de fazer qualquer mudança na sua alimentação, porque as dietas com baixo teor de carboidratos podem reduzir drasticamente seu consumo calórico.

A Clinica La Forme, visando a saúde e bem-estar, criou vários Programas de Emagrecimento, que podem ser aplicados como prevenção ou correção da obesidade.

Constituem-se de uma seqüência de tratamentos estéticos e assessoria nutricional especializada visando a perda ou manutenção do peso através da reeducação alimentar e diminuição de medidas corpóreas e o rejuvenescimento celular através da inclusão de nutrientes termogênicos e efeito anti-age.

Agende uma avaliação sem compromisso!

Escrito em DICAS LA FORME por Rita Caride

Acabe com a celulite!

segunda-feira, 6 de março de 2017 20h59min01s America/Sao_Paulo

 

O que é celulite?

A celulite é um termo comum usado para descrever as bolsas de gordura acumuladas por baixo da pele causando depressões nas coxas, glúteos e abdômen.

Existe um tipo físico mais propenso à celulite?

Este problema estético ocorre em 90% das mulheres logo após a adolescência e raramente acontece nos homens. Ao contrário do que se diz, a celulite não está relacionada com a obesidade. Aparece em pessoas obesas, normais e magras em diferentes níveis, podendo agravar se não tratada.

Como ela avança?

 Estágio 1


Nesta fase, a celulite já começou, mas não é percebida. Existe apenas um pequeno inchaço na pele. Só é possível ver os furinhos quando pinça a pele.

 

 Estágio 2


A celulite passa a ser visível e pode ser sentida por palpação. A pele ganha um aspecto acolchoado em conseqüência do inchaço, endurecimento das fibras e do acúmulo de substâncias no interior do tecido, o que faz aparecer as ondulações na superfície da pele. Nesse estágio a presença da celulite acaba gerando mais celulite

 

 Estágio 3


Esta é a fase em que aparecem os nódulos celulíticos e os sinais são bem visíveis, não necessitando a palpação para serem percebidos: aspecto acolchoado, edema, micro-varizes, inchaço nas pernas, flacidez do tecido, e até sensação de pernas pesadas e câimbras.

 

 Estágio 4


É o estágio mais avançado. Nele, as fibras de colágeno e elastina se agrupam formando cicatrizes internas que, junto com os nódulos de gordura, estrangulam os vasos e prejudicam a fluidez do sangue. Também comprimem os nervos causando dor espontânea com a palpação.


A celulite está associada a diversas causas, geralmente relacionada aos hábitos de saúde e ao estilo de vida da mulher. O aumento de volume do tecido gorduroso, seja por retenção de líquidos, seja por acúmulo de gordura, comprime os vasos e projeta o tecido para a pele, fazendo surgir ou agravando a celulite.


Os 8 fatores mais comuns entre as causas da celulite são:

Fatores hormonais - Os fatores desencadeantes estão relacionados aos hormônios femininos e à anatomia da mulher, corpo em formato de pera - quadris largos, pernas grossas apresentam maior probabilidade de desenvolver celulite. Os hormônios femininos (principalmente estrógeno) levam a um maior armazenamento de gorduras e retenção de líquidos e modificação no sistema circulatório.

Predisposição genética - A celulite está especialmente relacionada com a hereditariedade. Portanto, duas pessoas que tenham os mesmos cuidados com a saúde podem reagir de maneira diferente aos tratamentos. 

Fatores circulatórios - Se a circulação não flui bem, a nutrição das células fica comprometida. Mulheres com varizes e vasos superficiais têm também mais propensão para a celulite. Roupas e sapatos apertados, causam desconforto, devem ser evitados.

Sedentarismo - A falta de exercícios físicos provoca flacidez e acúmulo de gordura.

Alimentação - Pouca hidratação, dietas ricas em alimentos que retêm água e engordam. Adeptas do fast food, refrigerantes, estão na lista. (ricos em sal, sódio, gordura e açúcares).

Bebidas - O álcool em contato com o organismo produz açúcares, que aumenta o volume das células de gordura.

Fumo - A nicotina e o alcatrão dos cigarros provocam o espessamento das veias, dificultando a circulação do sangue e a eliminação das toxinas.

Musculação em excesso e sem orientação - “Uma musculação leve e bem orientada não faz mal.” Exercícios pesados, como a musculação, levam ao acúmulo de ácido láctico e outras substancias na musculatura, e no tecido cutâneo, e podem agravar o quadro da celulite localizada nas nádegas e nas coxas. Substâncias como a creatinina, anabolizantes, suplementos pré-hormonais, entre outras usadas para ganho de massa muscular nas academias também podem agravar a celulite.


O você pode fazer?

  • Pratique exercícios regularmente. Opte mais por exercícios aeróbicos, como caminhadas, bicicleta e natação, em vez da musculação.
  • Faça uma dieta desintoxicante, incluindo muitas frutas frescas, verduras e legumes, evitando refrigerantes, café, álcool, gorduras saturadas e trans, pois esses fornecem somente calorias, não possuindo nenhum valor nutritivo, prefira água natural ou de coco.
  • Beba no mínimo dois litros de água por dia para hidratar o corpo. Esse procedimento ajuda na eliminação de toxinas pelos rins e auxilia no tratamento para celulite.
  • Evite os alimentos enlatados, que contém muitos conservantes, e outras substâncias alimentares retentoras de água que podem aumentar o problema da celulite. Essas compreendem o sódio, presente em grandes quantidades no sal marinho, alimentos processados e molhos como shoyo e molho inglês.
  • Prefira iogurtes e queijos que possuam teor de lactose reduzido. A lactose (açúcar do leite) também pode exercer esse papel, devendo ser consumida com moderação.
  • Reduza também as gorduras da dieta, pois elas contribuem para o aumento de células do tecido adiposo e conseqüentemente colaboram no aumento de peso, extremamente relacionado com a potencialização da celulite.
  • Prefira os alimentos menos calóricos e mais ricos em vitaminasfibras e minerais que são reguladores do processo de produção de energia, além de diminuirem a absorção de gordura dos alimentos e controlarem a regeneração de tecidos, mantendo a pele mais saudável e tonificada.
  • Faça várias refeições ao dia em pequenas porções. Facilita a digestão. Seu apetite será menor e o organismo mandará menos reservas para os adipócitos.
  • Mastigue bem os alimentos. Esse processo permite que a chegada do alimento ao estômago seja lenta. Isso implica em maior tempo para o órgão enviar mensagens para o cérebro, diminuindo a vontade de comer mais.
  • Alimentos integrais são boas fontes de fibras e ajudam a diminuir a absorção das gorduras, além de contribuirem para a regulação do intestino.
  • Devem ser consumidas fontes magras de proteína como clara de ovo, aves, peixes e carnes vermelhas magras como lagarto, filé mignon. Substitua as frituras por preparações grelhadas, assadas ou cozidas.
  • Evite alimentos ou preparações gordurosas, como feijoada, pizzas, molhos gordurosos, frios, queijos gordos, pães e bolachas recheados, chantilly, biscoitos amanteigados e sorvetes de massa.
  • Consuma alimentos isentos de açúcar refinado, ou seja, pão integral, arroz integral, macarrão integral, batata doce e frutas. Na vontade de comer um doce, prefira uma barra de cereais, gelatinas e frutas.
  • Evite colocar muito óleo durante a preparação dos alimentos.
  • Prefira alimentos que não contêm salna sua formulação, vegetais em geral, temperos naturais, pois o sal ajuda a reter líquidos no organismo e conseqüentemente na gordura localizada.
  • Não adicione muito sal durante a preparação dos alimentos ou quando prontos.
  • Se você passa muito tempo em pé ou sentada, procure caminhar para melhorar a circulação sangüínea superficial.


Como os tratamentos estéticos podem ajudar você?

Endermoterapia - Massagem com aparelho que, ao deslizar sobre o corpo, realiza sucção à vácuo, pressionando e sugando a pele como numa drenagem linfática e rompendo, simultaneamente, as cápsulas que envolvem os nódulos de celulite através de dois rolinhos que giram em direções opostas.

Drenagem linfática - Massagem corporal feita com as mãos ou com aparelhos específicos que ajudam a eliminar o excesso de líquidos e toxinas do organismo.

Intradermoterapia - Injeções subcutâneas de substâncias lipolíticas e enzimas que estimulam a gordura a sair das células gordurosas, melhorando a circulação linfática.

Carboxiterapia - Consiste na aplicação de injeções subcutâneas de gás carbônico nos tecidos. Estimula a circulação sanguínea e melhora a produção de colágeno e elastina, substâncias que dão sustentação à pele, dando a ela aspecto mais firme e mais liso. A carboxiterapia possui um efeito progressivo e melhores resultados são observados após 2 ou 3 dias da realização das sessões.

Termoterapia- Câmaras ou mantas com raios infravermelhos longos são envoltas na região afetada pela celulite. O calor emitido alcança três a quatro centímetros de profundidade da pele, estimulando as células a liberarem o excesso de líquido e de gordura.

Rádiofreqüência- Quando a celulite é acompanhada de flacidez, o ideal é acrescentar esse procedimento que estimula e reestrutura as fibras de colágeno. No caso de celulite fibrosa, o subcision (aplicação e movimentação de agulhas sob a pele para romper as travas fibrosas que a repuxam formando depressões) deve completar esse tratamento.

Após o tratamento, deve-se cuidar da alimentação e caminhar pelo menos 30 minutos diariamente e fazer drenagem pelo menos uma vez por semana, caso contrário, os furinhos nas coxas e no bumbum voltarão a incomodar. 

Espero que tenham gostado da matéria!

Um grande abraço!

Escrito em DICAS LA FORME por Rita Caride

Obesidade, a epidemia do Século XXI

terça-feira, 17 de janeiro de 2017 20h45min43s America/Sao_Paulo

Estudiosos e pesquisadores da área da Saúde que atuam em conjunto com a Organização Mundial da Saúde, consideram a OBESIDADE como a epidemia do Século devido aos malefícios que provoca na humanidade independentemente de raça, idade, e condição social.

O apelo ao consumo de alimentos industrializados e processados, ricos em GORDURA, AÇÚCAR E SAL, fazem com que as pessoas tenham uma alimentação antagônica ao ato humano da Nutrição Saudável.

Tais “facilitadores” modernos, associados ao sedentarismo em muitas pessoas, podem contribuir para o excesso de peso e fatalmente para a OBESIDADE como conseqüência final.

Considerando que o excesso de peso contribui para a diminuição do rendimento e a baixa auto-estima das pessoas, assim como predispõe ao aparecimento de doenças crônicas, elimine ou diminua drasticamente da sua dieta:

  • Açúcar refinado: Refrigerantes, suco de frutas, sorvete, doces e bolos e tudo o que leva açúcar refinado ou glucose de milho.

  • Grãos com glúten: Trigo, centeio e cevada. Isso inclui pães, massas e cerveja.

  • Gordura trans: Corte todo tipo de gordura hidrogenada ou parcialmente hidrogenada, como margarinas.

  • Produtos “light” e artificalmente low-fat: A maioria dos produtos “light”, especialmente laticínios, costuma ser rica em carboidratos e cheios de outras substâncias prejudiciais a saúde.

  • Alimentos industrializados e processados. Leia os rótulos. O uso abusivo de sódio, é muito comum e costuma estar acima de 200 mg por porção. 

O corpo digere os carboidratos transformando-os em açúcar simples (principalmente glicose). Esse açúcar cai na corrente sanguínea e eleva os níveis de glicose

Como níveis elevados de açúcar no sangue são tóxicos, o corpo reage com o hormônio insulina, que sinaliza para as células absorverem e armazenarem a glicose. Como conseqüência, adquire-se mais gordura, principalmente na região do abdome, estômago e flancos.

Se você não precisa perder tanto peso, pode incluir nas suas refeições mais carboidratos. Nesse caso, pode consumir os da lista abaixo, mas sempre com moderação:

  • Tubérculos: Batata, batata-doce, beterraba, cará, cenoura entre outros.

  • Grãos sem glúten: Arroz, aveia, farinha de milho, quinoa, chia e outros.

  • Leguminosas: Lentilhas e feijões.

  • Frutas: Atenção para a quantidade de açúcares, dê preferência às frutas com cascas e evite sucos. Eles detém maior concentração de frutose, açúcar das frutas.

  • Chocolate: Prefira os amargos, acima de 70% cacau.

  • Vinho:  Consuma moderadamente e evite o vinho do Porto, que tem grande quantidade de açúcar. 

Faça um registro diário do que vc come – desde o café da manhã até a ultima refeição do dia. Assim, você terá um maior controle sobre tudo que ingere.

Emagrecimento de verdade é aquele que leva você ao seu peso ideal e a mantê-lo sempre, fazendo você se sentir uma nova pessoa, com mais energia e disposição.

 

O ideal é procurar um nutricionista para definir com precisão a quantidade de carboidratos que você precisa no dia a dia.

Se você tem algum problema de saúde, é importante conversar com seu médico antes de fazer qualquer mudança na sua alimentação, porque as dietas com baixo teor de carboidratos podem reduzir drasticamente seu consumo calórico.

A Clinica La Forme, visando a saúde e bem-estar, criou vários Programas de Emagrecimento, que podem ser aplicados como prevenção ou correção da obesidade. Constituem-se de uma seqüência de tratamentos estéticos e assessoria nutricional especializada visando a perda ou manutenção do peso através da reeducação alimentar e diminuição de medidas corpóreas e o rejuvenescimento celular através da inclusão de nutrientes termogênicos e efeito anti-age.

Agende uma avaliação sem compromisso!

Escrito em DICAS LA FORME por Pedro Ribeiro

Obesidade, a epidemia do Século XXI

terça-feira, 17 de janeiro de 2017 20h45min43s America/Sao_Paulo

Estudiosos e pesquisadores da área da Saúde que atuam em conjunto com a Organização Mundial da Saúde, consideram a OBESIDADE como a epidemia do Século devido aos malefícios que provoca na humanidade independentemente de raça, idade, e condição social.

O apelo ao consumo de alimentos industrializados e processados, ricos em GORDURA, AÇÚCAR E SAL, fazem com que as pessoas tenham uma alimentação antagônica ao ato humano da Nutrição Saudável.

Tais “facilitadores” modernos, associados ao sedentarismo em muitas pessoas, podem contribuir para o excesso de peso e fatalmente para a OBESIDADE como conseqüência final.

Considerando que o excesso de peso contribui para a diminuição do rendimento e a baixa auto-estima das pessoas, assim como predispõe ao aparecimento de doenças crônicas, elimine ou diminua drasticamente da sua dieta:

  • Açúcar refinado: Refrigerantes, suco de frutas, sorvete, doces e bolos e tudo o que leva açúcar refinado ou glucose de milho.

  • Grãos com glúten: Trigo, centeio e cevada. Isso inclui pães, massas e cerveja.

  • Gordura trans: Corte todo tipo de gordura hidrogenada ou parcialmente hidrogenada, como margarinas.

  • Produtos “light” e artificalmente low-fat: A maioria dos produtos “light”, especialmente laticínios, costuma ser rica em carboidratos e cheios de outras substâncias prejudiciais a saúde.

  • Alimentos industrializados e processados. Leia os rótulos. O uso abusivo de sódio, é muito comum e costuma estar acima de 200 mg por porção. 

O corpo digere os carboidratos transformando-os em açúcar simples (principalmente glicose). Esse açúcar cai na corrente sanguínea e eleva os níveis de glicose

Como níveis elevados de açúcar no sangue são tóxicos, o corpo reage com o hormônio insulina, que sinaliza para as células absorverem e armazenarem a glicose. Como conseqüência, adquire-se mais gordura, principalmente na região do abdome, estômago e flancos.

Se você não precisa perder tanto peso, pode incluir nas suas refeições mais carboidratos. Nesse caso, pode consumir os da lista abaixo, mas sempre com moderação:

  • Tubérculos: Batata, batata-doce, beterraba, cará, cenoura entre outros.

  • Grãos sem glúten: Arroz, aveia, farinha de milho, quinoa, chia e outros.

  • Leguminosas: Lentilhas e feijões.

  • Frutas: Atenção para a quantidade de açúcares, dê preferência às frutas com cascas e evite sucos. Eles detém maior concentração de frutose, açúcar das frutas.

  • Chocolate: Prefira os amargos, acima de 70% cacau.

  • Vinho:  Consuma moderadamente e evite o vinho do Porto, que tem grande quantidade de açúcar. 

Faça um registro diário do que vc come – desde o café da manhã até a ultima refeição do dia. Assim, você terá um maior controle sobre tudo que ingere.

Emagrecimento de verdade é aquele que leva você ao seu peso ideal e a mantê-lo sempre, fazendo você se sentir uma nova pessoa, com mais energia e disposição.

 

O ideal é procurar um nutricionista para definir com precisão a quantidade de carboidratos que você precisa no dia a dia.

Se você tem algum problema de saúde, é importante conversar com seu médico antes de fazer qualquer mudança na sua alimentação, porque as dietas com baixo teor de carboidratos podem reduzir drasticamente seu consumo calórico.

A Clinica La Forme, visando a saúde e bem-estar, criou vários Programas de Emagrecimento, que podem ser aplicados como prevenção ou correção da obesidade. Constituem-se de uma seqüência de tratamentos estéticos e assessoria nutricional especializada visando a perda ou manutenção do peso através da reeducação alimentar e diminuição de medidas corpóreas e o rejuvenescimento celular através da inclusão de nutrientes termogênicos e efeito anti-age.

Agende uma avaliação sem compromisso!

Escrito em DICAS LA FORME por Pedro Ribeiro

13 Opções de alimentos para turbinar seu treino!

domingo, 15 de janeiro de 2017 21h07min12s America/Sao_Paulo

A prática de atividade física e, em especial a musculação, é melhor aproveitada se você tiver os nutrientes certos no seu organismo. 

Seja para fornecer energia e suportar bem o treino ou para fornecer os nutrientes potencializadores da sua formação muscular, saiba que o que você ingere antes e após a atividade, faz toda a diferença nos resultados que você busca! 

Assim, como dica desta semana, montei um cardápio diversificado para você ter mais energia e melhor desempenho no seu treino, sem comer sempre as mesmas coisas, garantir mais prazer e bem-estar associados à sua atividade física e a ganhar ainda melhores resultados.

Experimente e aproveite as vantagens de uma dieta adaptada para seu treino! 

 Antes do treino, mais energia com uma destas opções: 

Opção 1: 2 fatias de pão 100% integral com 1 fatia de queijo minas light ou 1 colher de sopa de Cotage + 1 fatia de peito de peru light ou 1 colher de sopa de atum misturado com 1 colher de chá de requeijão light. 

Opção 2: 1 tapioca + 1 colher de chá de creme de amendoim + 1 banana amassada ou 1 colher de sopa de avogado.

Opção 3: 1 banana amassada + 1 colher de sopa de aveia + 1 colher de chá de mel.

Opção 4: 2 castanhas do pará + 2 damascos.

Opção 5: 1 barra de cereal de mix de amêndoas + frutas secas.

Opção 6: 1 batata doce cozida + 1 fatia de queijo minas light derretido.

Opção 7: 1 tigela pequena de açaí + 3 colheres de sopa de granola light.

Opção 8: 1 copo de 250 ml de caldo de cana + 1 fatia de queijo minas light.

Opção 9: 1 copo de suco detox. Prepare estes ingredientes, batendo tudo no liquidificador até formar uma mistura bem homogênea e tome a seguir: 

1 folha de couve manteiga (crua) + 1 maçã com casca + 1 copo médio de água gelada ou chá verde ou água de coco fresco + 1 fatia de abacaxi + 1 colher de sopa de hortelã + 1 limão espremido + raspas de gengibre + 3 cubos de gelo.

 

Após o Treino, mais nutrientes para seus músculos com uma destas opções: 

Opção 1: 2 tomates recheados com Cotage sem lactose + atum light + salada verde.

Opção 2: Omelete feito com 1 ovo + 2 claras + 1 colher de tapioca + 4 tomatinhos cerejas + orégano + salada verde.

Opção 3: 1 ovo cozido + 1 tomate temperado com 1 fio de azeite e orégano.

Opção 4: 120 gramas de kibe de forno + 1 colher de sopa de coalhada ou Cotage + salada verde. 

 

Prepare seu kiibe com estes ingredientes misturados: 200 gramas de carne moída +  200 gramas de quinoa + 200 gramas de trigo para kibe (deixe de molho por aproximadamente 1 hora e esprema bem a água). Se preferir, bata no liquidificador estes outros: 1 ovo + 1 iogurte natural desnatado + 1 colher de sopa de azeite extra-virgem + 1 cebola grande + salsa, cebolinha, orégano e hortelã à gosto. Misturar tudo e colocar para assar em uma forma, em forno a 180 graus, por 40 minutos a 1 hora.  

Obrigada e um grande abraço!

 

Rita Caride.

Escrito em DICAS LA FORME por Pedro Ribeiro

**5 Cuidados para uma pele perfeita!

terça-feira, 29 de novembro de 2016 17h39min13s America/Sao_Paulo

AME AQUILO QUE SEMPRE ESTÁ CUIDANDO DE VOCÊ , SUA PELE! 

A pele é o maior órgão do corpo humano e uma das suas principais funções é a proteção contra radiação ultravioleta (sol), traumatismos, penetrações de substâncias e germes, entre outras milhares de atribuições. 

Alguns cuidados diários com nossa pele prolongam a sua vitalidade, favorecendo a saúde e beleza desse importante órgão do nosso corpo! 

Alimentação: Alguns elementos essenciais à formação e renovação celular desse órgão estão presentes nos alimentos, como a Vitamina A, Betacaroteno, aminoácidos formadores do colágeno entre outros. A preferência por uma dieta equilibrada, rica em fibras, legumes, verduras e proteínas e livre de gorduras, favorece a saúde e aparência da Pele enquanto o consumo de 2 litros de água diariamente, no mínimo, garante a hidratação da sua parte mais interna, levando melhor hidratação da pele.

Higiene: O acúmulo de sujeira na pele leva ao entupimento dos poros e favorece o aparecimento de espinhas, além de contribuir para o envelhecimento precoce. Evite o acúmulo de oleosidade e resíduos de maquiagem e outros produtos, mantendo sempre a pele livre para respirar! 

Hidratação: Auxilia na manutenção do viço e da beleza da pele, além de manter a integridade da camada de proteção cutânea. A hidratação regular previne problemas de descamação, ressecamento, envelhecimento precoce, irritações e infecções. 

Proteção solar: A exposição à radiação ultravioleta (sol) tem efeito cumulativo e penetra profundamente na pele, sendo capaz de provocar diversas alterações, podendo levar à formação de pintas, manchas, envelhecimento e principalmente ao câncer de pele. Quanto antes começar a pele, melhor! E lembre-se de reaplicar o filtro conforme a recomendação e fator de proteção utilizado. 

Creme ou gel de tratamento: O uso diário dos ativos adequados para seu tipo de pele, seja para fins de prevenção ou tratamento estético, retarda o envelhecimento cutâneo e suaviza seus efeitos.

Então, não se esqueça de:

  • Evitar exposição excessiva ao sol.
  • Manter uma dieta rica em frutas e verduras, que contenha muitas fibras.
  • Evitar o uso excessivo de sabonetes, buchas, banhos muito quentes e prolongados, principalmente no inverno.
  • Evitar realizar esfoliações excessivas na pele.
  • Remover sempre maquiagem a noite.
  • E sempre hidratar.

O cuidado com pele deve ser individualizado, respeitando as características próprias e individuais de cada paciente, Por isso não deixe de consultar com seu dermatologista, que poderá indicar os melhores tratamentos.

---

Dra Leliane Froede 

Dermatologia clinica e estética.

M Rita Caride

Nutricionista responsável.

Escrito em DICAS LA FORME por Pedro Ribeiro

**7 Alimentos que você pode comer à noite e não engordar!

terça-feira, 22 de novembro de 2016 16h39min36s America/Sao_Paulo

Alguns alimentos favorecem o sono tranquilo e são mais adequados para seu metabolismo noturno, também prevenindo o ganho de peso. 

Leite: Rico em triptofano, precursor da serotonina - substância relacionada à sensação de prazer e bem estar, e também melatonina que é um hormônio que influencia a regulação do sono. Por isso, um copo de leite quentinho antes de dormir é uma excelente escolha! Mas, atenção: o ideal é o leite desnatado, que contém teores reduzidos de gorduras e calorias e preferencialmente sem lactose, açúcar do leite que em muitos casos causa estufamento gástrico. Se preferir acrescente 1 sachê de chá de camomila ou outro de sua preferência.

Queijos: Assim como o leite, também são fontes de triptofano e melatonina. Uma fatia pequena de queijo branco ajudará a controlar seu apetite e ainda irá colaborar para uma boa noite de sono. Prefira ricota, cottage ou queijo minas ligh. Pode acrescentar 1 colher de sobremesa de geleia light.

Iogurte zero gordura sem lactose: Igualmente ao leite e ao queijo. Bata o iogurte com 1 gelatina light ainda líquida, do sabor de sua preferência, geladeira por umas horas e pronto! Um delicioso flan.

Aveia: A vitamina B6 presente nesse cereal potencializa a ação do triptofano. Que tal preparar um mingau de aveia, ou ainda, comer um iogurte zero gordura sem lactose salpicado por aveia?

Castanhas, nozes, avelãs: O grupo das oleaginosas também é fonte de triptofano. Além disso, são ricos em gorduras boas, fibras e minerais importantes ao funcionamento adequado do organismo. Mas, vá com calma! Apesar de todas essas vantagens, as oleaginosas são calóricas e, portanto, devem ter o consumo limitado: 2 a 3 unidades de uma delas já é suficiente para obter os benefícios sem comprometer sua dieta.

Chás de erva doce ou camomila: Essas ervas possuem efeito calmante, por isso, ajudarão a relaxar, induzindo o sono e favorecendo uma noite tranquila.

Maracujá: Também possui efeito calmante e por isso colabora para uma boa noite de sono. Experimente beber um copo de suco da fruta ou ainda, bater a polpa com um copo de leite desnatado sem lactose ou iogurte natural desnatado sem lactose.

Faça uma dieta balanceada e tome cuidado especial com o jantar, já que seu organismo vai entrar em estado de descanso e seu metabolismo se tornará mais lento nesse horário. 

Escolha os alimentos certos e ganhe qualidade de sono sem aumentar seu peso! 
 
Bom jantar e descanso redobrado com a escolha dos alimentos certos!
Escrito em DICAS LA FORME por Pedro Ribeiro

**A importância do colágeno

terça-feira, 22 de novembro de 2016 16h32min30s America/Sao_Paulo

Hoje vou falar de um dos principais elementos responsáveis pela firmeza e juventude dos tecidos do nosso corpo, incluindo a nossa pele: o Colágeno!

O que é Colágeno?

O colágeno é uma proteína estrutural, produzida naturalmente pelo nosso organismo, responsável pela firmeza e elasticidade da pele. É a #proteína mais abundante no corpo, muito importante para manter as #células firmes e unidas, sendo não só importante para a pele, mas também para outros tecidos.

Diferentes tipos de #colágeno formam feixes fibrilares maiores com a ajuda de várias classes de #proteínas, glicoproteínas e proteoglicanos. Estes feixes de fibrilas estão presentes em diferentes arranjos pelos tecidos do corpo, dando diferentes formas de resistência à tração.
 

Quais as fontes naturais dessa proteína?

Alimentos ricos em colágeno são aqueles de origem animal:

 

  • Carnes vermelhas;

  • Carnes brancas;

  • Gelatina;

  • Geleia de mocotó.

 
 

Onde o colágeno está presente em nosso organismo?

Na pele, ossos, tendões, ligamentos, fácias, dente, córnea, cartilagens, tecidos fetais, estroma de órgãos e glândulas, órgãos linfóides e hematopoiéticos, entre outros. Apresenta-se distribuído em diversos tecidos do corpo, em diferentes tipos e combinações deles, sendo alguns identificados como:

Colágeno Tipo I -  É o mais abundante sendo amplamente distribuído no organismo em estruturas chamadas de "fibrilas" de colágeno presentes nos ossos, dentina, tendões (onde predomina sobre os outros tipos), sempre formando fibras e feixes. (sob a forma de espessas fibras responsáveis pela grande resistência desses tecidos), cápsula de órgãos, derme, na cartilagem fibrosa, no tecido conjuntivo frouxo comum e no tecido conjuntivo denso. Combina com outros tipos na composição de outros tecidos do corpo.
 
Colágeno Tipo II - É produzido por condrócitos, aparece na cartilagem hialina e na cartilagem elástica. Não produz feixes. Presente nos discos intervertebrais, olhos e cartilagem.
 
Colágeno Tipo III -Presentes em músculo liso, endoneuro e nas trabéculas dos órgãos hematopoiéticos (baço, nódulos linfáticos, medula óssea vermelha); artérias, fígado, útero e camadas musculares do intestino. Muito abundante no tecido conjuntivo frouxo, é encontrado na artéria aorta do coração, nos pulmões, nos músculos dos intestinos, fígado, no útero. Constitui as fibras reticulares.
 
Colágeno Tipo IV -Um dos principais componentes estruturais da lâmina basal e membrana basal dos epitélios, onde tem o papel de aderência e de filtraçãoPresente nas lentes da cápsula ocular, glomérulos.
 
Colágeno Tipo V -O tipo V combina com os tipos II, III e XI para formar as fibrilas de colágeno, estruturas claramente visíveis no microscópio eletrônico.
 
Colágeno Tipo VI -Está presente no sangue, camada íntima da placenta.
 
Colágeno Tipo VII - Está presente nas membranas cório-aminióticas e na placenta. O tipo VII forma dímeros que se reúnem em estruturas especializadas denominadas fibrilas de ancoramento que auxiliam a conexão da lâmina basal do epitélio de múltiplas camadas ao tecido conjuntivo subjacente e, portanto, sao especialmente abundantes na pele.
 
Colágeno Tipo VIII -É endotélio (camada celular que reveste internamente os vasos sanguíneos e linfáticos);
 
Colágeno Tipo IX -  Ele tem a função de manter as células unidas e é o principal componente protéico de órgãos. Associa-se ao tipo XII formando estruturas curtas que ligam as fibrilas de colágeno, denominas "colágenos associados a fibrilas) dentro da matriz extra celular.

Colágenos Tipo X, XI e XII - Presentes na cartilagem.

Quais os sinais da redução do colágeno no nosso organismo?

O colágeno começa a diminuir gradativamente por volta dos 30 anos. O envelhecimento do corpo humano, principalmente após 50 anos é acompanhado pela diminuição significativa na produção de colágeno o que leva, ao longo dos anos, a uma aparência cada vez mais envelhecida.

 

Alguns sintomas da sua redução são:

  • Flacidez muscular;

  • Diminuição da densidade óssea;

  • Enfraquecimento das unhas;

  • Diminuição da elasticidade e força dos ligamentos e articulações;

  • Diminuição da espessura do fio capilar, deixando-o sem viço;

  • Mau funcionamento ou até mesmo deslocamento de alguns órgãos;

  • Aparecimento de estrias, pela diminuição da elasticidade da pele;

  • Agravamento da celulite;

  • Aparecimento de rugas e linhas de expressão;

  • Pele fina e desidratada.

 

Quais os benefícios da sua reposição?

Em caso de suplementação, a absorção do colágeno é muito difícil pelo trato gastrointestinal, por isso ele de ser "hidrolisado", quebrado em aminoácidos, isso quer dizer que o transforma em moléculas menores, melhorando sua absorção. Supridas as quantidades de aminoácidos necessárias, obtém-se como resultado:

  • Redução do peso corporal por estimular o mecanismo da saciedade, o que leva a comer menos.

  • Melhora da celulite, já que a recuperação de proteínas do tecido conjuntivo (colágeno e elastina) ajuda a diminuir a camada adiposa existente,

  • Prevenção de estrias, uma vez que estas resultam da ausência ou deficiência de fibras elásticas na pele,

  • Efeitos coadjuvantes no fortalecimento dos vasos sanguíneos, evitando formação de varizes,

  • Rejuvenescimento da pele devido à reestruturação dos tecidos flácidos promovendo a diminuição da flacidez, o aumento do tônus e elasticidade da pele.

  • A suplementação de Colágeno tipo II ajuda na recomposição da cartilagem das articulações e no tratamento da artrose.


Como é feita a suplementação de colágeno?

Estes produtos devem ser usados com acompanhamento do seu médico ou nutricionista, pois muitos suplementos de colágeno hidrolisado apresentam uma combinação de diferentes aminoácidos, vitaminas e minerais. Sua absorção melhora quando associamos com a vitamina C, encontrado em vegetais e frutas.

O colágeno hidrolisado pode ser encontrado na forma líquida, em cápsula ou pó.

Em pó, forma mais difundida apresenta baixa atividade água (umidade normalmente próximo de 8%), o que garante uma estabilidade muito grande da proteína (chegando a 5 anos na embalagem original de fabricação). Esta apresentação normalmente apresenta um preço mais baixo que as outras e melhor qualidade sensorial na forma pura (sem aditivos nem sabor).

As cápsulas de colágeno são o produto em pó, inserido na cápsula garantindo doses, normalmente miligramas do produto. É bastante útil para quem tem facilidades em ingerir cápsulas e evita a necessidade de diluição. Esta apresentação permite utilizar um produto de baixa qualidade sensorial (sabor característico mais evidente). É necessário avaliar a dose/cápsula para analisar a relação custo/benefício.

O colágeno líquido pode ser obtido através da exclusão da etapa de secagem do colágeno hidrolisado ou da diluição do colágeno em pó. Normalmente essa apresentação requer a necessidade de conservantes e agentes de sabor e é necessário conferir a concentração do produto para analisar a relação custo/benefício.

A dose diária recomendada é em torno de 10g/dia, conforme orientação nutricional ou médica.  

Por isso minha gente, importantíssimo uma alimentação colorida que contemple os nutrientes necessários ao nosso organismo, à manutenção da vitalidade dos tecidos e também para o seu rejuvenescimento!!!

 Uma ótima semana a todos!

Escrito em DICAS LA FORME por Pedro Ribeiro
Ajustar Direção como Decrescente

Itens 1 a 10 de um total de 44

Página:
  1. 1
  2. 2
  3. 3
  4. 4
  5. 5